Consulte a Melhor Programação para o seu filho

Consulte a melhor programação para o seu filho

Ver todas as atrações


A importância para os educadores de saberem gerenciar suas emoções

12 de Junho de 2018 | Educação Emocional

Autoregulação é a capacidade de administrar as próprias emoções, conseguir organizar e controlar o pensamento para manter a mente focada. O gerenciamento das emoções é fator preponderante para o sucesso em qualquer área.

Para gerenciar as emoções é necessário aprender a prestar atenção em pensamentos e sentimentos. Ao identificá-los, você se torna emocionalmente consciente. Isso significa ser capaz de perceber os próprios sentimentos e perceber as emoções do outro, estabelecendo interações pessoais mais saudáveis.

Pessoas emocionalmente preparadas são mais flexíveis e resilientes para enfrentar melhor os desafios. Isso não impede que se frustrem, se decepcionem, mas as ajuda a encontrar formas mais saudáveis de lidar com as situações. São capazes de reconhecer qual necessidade precisa ser atendida e conseguem compreender o impacto que suas ações causam nas outras pessoas.

Todas as emoções são importantes e é perfeitamente natural sentir emoções negativas quando alguém faz algo que nos tira do sério. O importante é aprender a administrar os sentimentos e expressá-los sem prejudicar o relacionamento.

Ao perceber que está irritado e poderá se exceder, procure fazer uma pausa e só volte a tratar a situação quando se sentir preparado para, então, tomar a melhor decisão de como quer agir.

Lembre-se de que os sentimentos não são permanentes, eles são passageiros.

Pessoas que possuem uma boa gestão emocional costumam ter algumas das seguintes competências:

Amor próprio é a capacidade de se auto valorizar, compreender e se auto aceitar;

Assertividade é a habilidade de expressar com clareza suas opiniões e sentimentos, respeitando as opiniões dos demais;

Empatia é a capacidade de se colocar no lugar do outro, se conectando com suas emoções;

Relacionamento interpessoal é o talento de estabelecer relações mutuamente satisfatórias e construtivas;

Flexibilidade é a condição de se adaptar, ajustar sentimentos e pensar em novas ações;

Otimismo é a disposição de ter uma atitude positiva diante da vida e conseguir enxergar o seu lado bom.

Essas são algumas competências comportamentais que podem ser aprendidas através das experiências e desenvolvidas para nos tornar mais resilientes e emocionalmente saudáveis. Algumas atividades ajudam a manter o equilíbrio e a se conectar consigo mesmo:

- Técnicas de respiração;
- Meditação;
- Identificar previamente que algo irá tirá-lo do controle;
- Dedicar alguns momentos para ficar sozinho;
- Mudança de foco fazendo uma outra atividade;
- Movimentar-se.

Educar pode ser bastante desgastante e às vezes precisamos fazer uma pausa e cuidar das próprias emoções. O controle das emoções é essencial para a obtenção de bons resultados, podemos assim ampliar a percepção de nós mesmos, dos outros e da vida.


 Facebook-01.png (83 KB) Instagram-01.png (104 KB)