Consulte a Melhor Programação para o seu filho

Consulte a melhor programação para o seu filho

Ver todas as atrações


Venda de refrigerantes, balas e salgadinhos é proibida em escolas gaúchas

24 de Setembro de 2018 | Saúde - Notícias - Educação
frutas-lei-escolas-rs-pixabay.jpg (199 KB)
Foto:Pixabay

 

Da redação

Cantinas de escolas públicas e privadas do Rio Grande do Sul não podem mais comercializar nem fazer publicidade de produtos ultraprocessados, como balas, refrigerantes e salgadinhos industrializados. A proibição consta em lei sancionada pelo governador  do estado, José Ivo Sartori, há pouco mais de um mês, e deixa claro quais alimentos e formas de publicidades estão proibidas nas escolas e em seus arredores, estendendo-se aos ambulantes que ficam próximos às instituições. O objetivo é promover a alimentação saudável e proibir a comercialização de produtos que colaborem para a obesidade, diabetes e hipertensão em cantinas e similares instalados nas escolas públicas e privadas do Estado do Rio Grande do Sul.

Veja quais são os alimentos proibidos nas escolas do Rio Grande do Sul.

  • Balas, pirulitos, gomas de mascar, biscoitos recheados.
  • Refrigerantes e sucos artificiais.
  • Salgadinhos industrializados.
  • Frituras em geral.
  • Pipoca industrializada.
  • Bebidas alcoólicas.
  • Alimentos industrializados cujo percentual de calorias provenientes de gordura saturada ultrapasse 10% das calorias totais.
  • Alimentos preparados com gordura vegetal hidrogenada.
  • Alimentos industrializados com alto teor de sódio.

A norma também determina que a cantina escolar ofereça para consumo, diariamente, pelo menos duas variedades de fruta da estação “in natura”, inteira ou em pedaços, ou na forma de suco. E diz que os sucos de frutas, as bebidas lácteas e demais preparações cuja adição de açúcar é opcional, serão oferecidos ao consumo conforme a preferência do consumidor pela adição ou não do ingrediente.

De acordo com a lei, as escolas poderão realizar campanhas, inclusive com abordagem pedagógica transversal, sobre os seguintes temas:
I - alimentação e cultura; II - refeição balanceada, grupos de alimentos e suas funções; III - alimentação e mídia; IV - hábitos e estilos de vida saudáveis; V - frutas, hortaliças: preparo, consumo e sua importância para a saúde; VI - fome e segurança alimentar; VII - dados científicos sobre malefícios do consumo dos alimentos cuja comercialização é vedada por esta Lei.

Leia a íntegra da lei aqui.

 

Facebook-01.png (83 KB) Instagram-01.png (104 KB)