Consulte a Melhor Programação para o seu filho

Consulte a melhor programação para o seu filho

Ver todas as atrações


Vamos fazer um bolo de chocolate e aprender como funciona um computador?

05 de Novembro de 2018 | Techkids
receita-bolo-3048440_1280.jpg (136 KB)
Foto: Pixabay

 

Por Luciana Louro

Como já foi explicado no último artigo, saber como os computadores, ipads, celulares e outros dispositivos funcionam por meio do ciclo de input, processamento e output é um caminho possível para a conscientização de que as informações são disponibilizadas, organizadas e distribuídas virtualmente por pessoas reais. Essas pessoas, muitas vezes, são movidas por interesses e valores corporativos fundamentados no lucro e na venda de anúncios. Ter isso em mente no momento de usar aplicativos, participar de redes sociais, navegar na internet ou servir-se de qualquer outra possibilidade tecnológica faz toda a diferença para forjar seu espaço e identidade virtuais, pois é uma lembrança constante que trata-se de um universo tão real quanto o mundo concreto.

Assim, as crianças precisam aprender a observar, ler e criar criticamente a tecnologia virtual com a mesma urgência e preocupação que aprendem a ler e escrever em uma sociedade letrada.

O letramento, como já disse a estrofe do poema de Kate M. Chong traduzido pela professora Magda Soares (1999, p. 43) “é um mapa do coração”. Para chegar ao coração dos pequenos é preciso entrar no mundo da criatividade e da alegria própria à infância. Inspirado nesse princípio, o presente artigo traz uma proposta de brincadeira que ensina os conceitos de input, processamento e output, mobilizando, ao mesmo tempo, a noção de cidadania digital.

Input e Output

O que suas filhas ou filhos aprenderão:

  • Compreender o que um computador guarda dentro dele.
  • Compreender como o computador funciona.
  • Compreender o que são os computadores.
  • Compreender o Ciclo do IPO (input processamento e output).
  • Quantificar usando estratégias diversas.
  • Utilizar estratégias de leitura para compreender um texto.
  • Mobilizar o conceito de algoritmo.

O que vocês vão aprender juntos:

  • Discutir, observar e executar processos.
  • Trabalhar em equipe, cumprindo os combinados pré-estabelecidos.
  • Divertir-se aprendendo algo novo.

Do que você vai precisar:

  • Lápis de cor
  • Ipad, celular ou computador

Tempo previsto:

                 Esta brincadeira é ideal para ser feita em uma tarde de fim de semana. Pode-se contar, em média, 1h30 de brincadeira (incluindo o bolo).

Organização do espaço da brincadeira

Quando vamos aprender brincando é preciso organizar o espaço. A organização ajudará as crianças a compreenderem melhor as brincadeiras e fará com que o tempo também seja mais bem aproveitado. Por isso todas as sugestões que trago para o blog – as quais utilizo nas minhas aulas com crianças do IMAtech – virão com dicas de como organizar melhor esse momento lúdico com seus filhos ou filhas.

 

  • Organização do espaço para os passos de 1 a 5

A brincadeira pode começar na cozinha. Prepare dois espaços separados. Um com o computador, ipads ou o celular, as receitas impressas e o lápis de cor (um só já é suficiente). O outro espaço será reservado à brincadeira.

  

Passo a Passo para a brincadeira:

  • Inicie a conversa anunciando que hoje vocês irão brincar de investigar como os computadores, ipads e celulares funcionam. Combine que, hoje, a brincadeira não é jogar ou ver vídeos nesses dispositivos, mas sim observar como eles funcionam. Mostre um dos aparelhos escolhidos e pergunte: “Como você acha que o seu joguinho aparece aqui na tela?”. Deixe a criança mexer no dispositivo e vá pedindo para ela descrever o que está fazendo para chegar no jogo. Por fim, explique que quando ela clicou sobre o ícone ou o tocou com o dedo, disse ao computador “Abra esse joguinho aqui”. Assim, a criança deu uma informação para o computador. Pergunte: o computador entendeu o que você pediu? Deixe sua filha ou filho pensar e ajude-o (a) a perceber que sim, pois o computador entregou o que foi pedido: “o joguinho”. Termine dizendo que vocês vão assistir a um vídeo que explica como o computador funciona, como ele consegue exibir o joguinho escolhido na tela.

 

  • Depois de ver o vídeo, entregue a receita de bolo de chocolate. Peça para a criança tentar identificar o texto. Ajude-a a observar a estrutura da receita. Parece uma lista? Seria uma lista do quê? Incentive sua filha ou filho a pintar palavras e letras que foram reconhecidas. Após essa aproximação, leia a receita junto com a criança. Para isso, peça que ela acompanhe a sua leitura em voz alta passando o dedo embaixo das linhas (se for preciso ensine que a leitura se faz da esquerda para direita, linha por linha). Por fim, proponha um desafio: fazer o bolo e identificar o input, o processamento e o output. Explique que, como o vídeo contou, o computador precisa de alguém para funcionar. Combine que você será o computador e que a criança será a pessoa que pedirá o bolo de chocolate.

 

  • Enquanto estiver fazendo o bolo, pergunte sobre cada etapa: o que eu devo fazer agora? Deixe a criança perceber que é preciso, primeiro, reunir os ingredientes. Faça a criança entregar os ingredientes para você. Nesse momento pergunte: você me deu os ingredientes. Isso é input, processamento ou output? Só passe para a próxima etapa depois que sua filha ou filho tiver respondido que trata-se do input e justifique a resposta (pois ele está entregando, dando os ingredientes para o “computador”). Lembre-se de frisar que você é o computador e que a criança é a pessoa que o faz funcionar. Aproveite o momento para sublinhar as diferentes formas de medir os ingredientes propostas na receita, a saber: 4 ovos inteiros, xícara, colher de sopa e colher de chá.

 

  • Durante o preparo do bolo pergunte: e agora estamos no input, no processamento ou no output da receita de bolo? Espere a criança responder (se preciso dê pistas, relembre os exemplos do vídeo) e só depois vá para a próxima etapa. Enquanto estiver medindo os ingredientes, pergunte qual é a forma de medir esse ingrediente. O ingrediente é medido ‘um por um’ ou por unidade (como o ovo), com a xícara, com a colher de sopa ou com a colher de chá? Qual maneira reúne a maior quantidade de ingredientes? Você pode sugerir um teste: quantas colheres de sopa de farinha são necessárias para encher uma xícara e quantas colheres de chá de farinha são necessárias para encher uma colher de sopa? E quantos ovos cabem em uma xícara? Deixe sua filha ou o seu filho fazer uma estimativa primeiro e depois verifique a estimativa dele ou dela.

 

  • Termine a brincadeira concluindo com a sua filha ou filho que o bolo pronto (depois que sai do forno) é o output da receita. Pergunte se o bolo ficou conforme o esperado. Faça a criança perceber que para conseguir um bolo fofinho é preciso seguir o passo a passo da receita. Depois pergunte se o tempo de preparo do bolo foi curto, longo ou médio. Veja se a criança consegue quantificar quanto tempo demorou para fazer a receita até o fim. Complemente dizendo que o computador também segue uma receita, um passo a passo, para conseguir funcionar. Esse passo a passo é feito na forma de uma lista de tarefas ou instruções a serem realizadas em um tempo determinado. Explique, em seguida, que o nome dessa lista é algoritmo. Comente que, no computador, quem escreve esse algoritmo é o programador. Ajude sua filha ou seu filho a perceber que clicar no joguinho é dar um input e que o tempo em que o jogo está “carregando” é o tempo do processamento (quando o computador está seguindo o passo a passo escrito pelo programador) e que o jogo aparecendo na tela é o output. Conclua dizendo que tudo o que acontece nos celulares, Ipads e computadores depende das pessoas que os utilizam assim como das pessoas que escrevem os algoritmos dentro deles.

 

Facebook-01.png (83 KB) Instagram-01.png (104 KB)