Consulte a Melhor Programação para o seu filho

Consulte a melhor programação para o seu filho

Ver todas as atrações


São Miguel do Gostoso, uma praia com ar de paz e passado

01 de Dezembro de 2017 | Colunas

Por Luís Giffoni

São_Miguel_do_Gostoso,_Rio_Grande_do_Norte.jpg (1.41 MB)
FOTO: OTÁVIO NOGUEIRA / FLICKR

 

Chegou dezembro, chegaram as férias. Quase sempre, a dúvida: aonde ir com as crianças? Que tal fugir com elas para um cantinho bem quieto, que faz questão de ficar quieto, tranquilo, sem barulho de rádio e som alto de carro? Um cantinho onde se escutam o vento e as ondas mansas do mar durante toda a noite? Um cantinho perfeito para um detox digital de toda a família?

Esse lugar fica no Rio Grande do Norte e tem um nome que é uma delícia: SÃO MIGUEL DO GOSTOSO. É gostoso curtir Gostoso. No lugarejo, a 100 km de Natal, tudo é feito a pé. As crianças podem ficar soltas. Viram nativas desde o primeiro dia, sem preocupação com trânsito ou segurança, integradas ao clima tropical e hospitaleiro.

Para quem pratica kitesurfe ou windsurfe, dizem que a Ponta do Santo Cristo é o melhor point no Brasil para o esporte. Se alguém preferir andar de bicicleta ou a cavalo, as opções de roteiros são muitas. Uma dica para todos, grandes e pequenos: a caminhada até a praia de Tourinhos compensa cada passada de seus 4 km. Ali se entende por que é tão louvada a beleza do Atlântico Sul.

Com os pescadores, pode-se combinar uma saída ao mar de jangada, até os pesqueiros, e tentar a sorte com o anzol. As crianças também podem ajudar a puxar as enormes redes de arrastão e descobrir a variedade dos peixes. Para quem busca um proseado, a população local está sempre disposta a trocar ideias com seu jeito recatado que esbanja sabedoria.

Gostoso tem pousadas simples e sofisticadas, todas com o espírito acolhedor de quem optou por continuar em um lugar pequeno. Frutos do mar são presença constante no cardápio. Os restaurantes preservam a culinária local.

São Miguel do Gostoso logo vai perder seu ar de paz e passado. É gostoso demais para ficar desconhecido e pacato. Aproveite enquanto ainda oferece o tempo a um ritmo que passa devagar, prolongando as férias na praia. Isso não tem preço, mas, infelizmente, não vai durar muito.

 

Luís Giffoni é cronista, romancista e palestrante. Autor de 26 livros, tem nas viagens uma de suas paixões. Nelas aprende a diversidade do mundo e das pessoas, experiência que acaba traduzindo em suas obras. Neste espaço, dá dicas sobre como aproveitar o mundo com os pequenos. giffoni@canguruonline.com.br
 

Facebook-01.png (83 KB) Instagram-01.png (104 KB)