Consulte a Melhor Programação para o seu filho

Consulte a melhor programação para o seu filho

Ver todas as atrações


O impacto do lúdico no aprendizado infantil

01 de Fevereiro de 2017 | Artigos

Por Daniella Maia

Ilustração: PixabayO ensino, seja de qualquer disciplina ou assunto, requer muita criatividade dos professores. No mundo em que vivemos, permeados pela tecnologia – jogos eletrônicos, realidade virtual e uma diversidade de informações na internet –, acreditamos que o lúdico é o viés que mais motiva e conquista as crianças menores, além de incitar o aprender.

A aprendizagem da leitura e da escrita deve caminhar lado a lado com a imaginação e com os atributos da fantasia. Por isso, uma forma de fomentar esse contexto nas escolas é inserir personagens do "faz de conta" nas propostas didáticas. Em nossa escola, os personagens integram os projetos pedagógicos desde a educação infantil. Um exemplo é a personagem Dona Livrolina, uma bibliotecária aposentada que se apresenta às crianças no início do ano letivo, presenteando-as com um baú repleto de histórias de fadas, príncipes e bruxas de sua antiga biblioteca. A partir da visita de Dona Livrolina, todas as crianças começam a prestar mais atenção aos contos, que as levam para um mundo da leitura, e são convidadas a ouvir e ler histórias em casa também, contando com a participação das famílias.

São as brincadeiras tradicionais que ensinam que é possível vencer desafios, trabalhar em equipe, utilizar a criatividade e se reinventar, construindo uma bagagem muito interessante para a vivência na sociedade

Ensinar é um ato de amor e, mais que isso, é mostrar para os alunos que a sociedade pode ser construída de uma forma mais humanizada. Referendar personagens lúdicos no ensino insere a criança em um contexto significativo, uma vez que fazem parte de projetos de aprendizagem.

Outro elemento norteador no ensino lúdico é o brincar. Atualmente, quando as crianças estão tão envolvidas nos games, muitas vezes individualistas, são as brincadeiras tradicionais que ensinam que é possível vencer desafios, trabalhar em equipe, utilizar a criatividade e se reinventar, construindo uma bagagem muito interessante para a vivência na sociedade.

Viver o mundo da fantasia é um dos momentos mais importantes da infância. Claro que a tecnologia veio também para auxiliar o aprendizado, e muitos professores a utilizam nesse sentido, uma vez que as crianças estão inseridas nesse universo. Mas por que não aliar o lúdico ao ensino? O "faz de conta" é e sempre será uma realidade muito divertida e fundamental para a absorção de habilidades para toda a vida.

 

Daniella Maia é pedagoga e coordenadora geral do ensino infantil e fundamental do Coleguium Rede de Ensino.